• Avenida Pedro Almeida, 145 - Teresina - PI, 64052-280
  • (86) 3233-9506 | 3232-3534 | 3133-6060 | 8858-3872
  • comjornalismo@icsrita.org.br
Em Notícias

Severino Santos faz Recital no Música Para Todos

Na noite de ontem (12) o Projeto Música Para Todos recebeu o cantor e compositor piauiense Severino Santos em Recital na Sala Agostinho Pinto. O cantor trouxe em seu repertório com canções de sua autoria e de artistas piauienses.
O Recital agradou muito o público presente que pode conferir o melhor da música piauiense, canções de Edivaldo Nascimento, Carlilnhos Veloz e de outros ícones da música regional. Severino Santos contou com a participação do instrutor de percussão Guido Andino e mostrou em seu Recital um pouco do seu trabalho que ele já desenvolve desde a década de 80 e agradeceu a oportunidade de mostrá-lo no Música Para Todos.

“Agradeço muito ao Projeto Música Para Todos por essa oportunidade de estar mostrando eu trabalho”, declarou o cantor. Severino Santos é natural de Floriano e estudou violão, teoria musical e canto coral na Escola de Música de Teresina, tendo in iciado a vida musical em 1987 com o Grupo Kiumbas, e a partir daí participou de vários em festivais de música. Participou como tenor do Coral da Escola de Música de Teresina e da Escola Heitor Vila-Lobos.
Foi aluno do Projeto Música Para Todos e ainda pretende voltar ao estudo da música no Projeto. No início dos anos 1990, começa a cantar na noite teresinense acompanhado do violinista de Agostinho Ferraz, parceiro de composições e que criam na época o Grupo Di Couro e Cordas, onde começam a realizar shows autorais, No início dos anos 2000, apresenta a sociedade teresinense o show Afro Sanfonado e nesse mesmo período em parceria com Assis Bezerra, Pizeca, Machado Júnior e Dimas Bezerra e cria o movimento As Cara Preta do Piauí com o objetivo de reunir profissionais da música, literatura, artes cênicas e plásticas para divulgar a cultura afro-indígena, dentro e fora do Estado do Piauí
O cantor aproveitou ainda para incentivar os alunos do Projeto. “Várias pessoas queriam a oportunidade de estar aqui em sala de aula aprendendo um música, então vocês têm que agarrar essa chance. Hoje eu vi os olhos de várias crianças, jovens e adolescentes brilhando pela canção e pela oportunidade que estão tendo aqui nesse projeto. E eu quero vê-los brilhando nos palcos piauienses” declarou ele.