• Avenida Pedro Almeida, 145 - Teresina - PI, 64052-280
  • (86) 3233-9506 | 3232-3534 | 3133-6060 | 8858-3872
  • comjornalismo@icsrita.org.br
Em Notícias

Secretário estimula a participação de agentes culturais na nova lei de incentivo

Em visita ao Projeto Música Para Todos o Secretário Nacional de Fomento e Incentivo à Cultura Hnilton Menezes no último sabado (16) declarou que “é preciso que exijamos um tratamento mais justos para todos os estados brasileiros” ao fazer referência as atualizações da nova lei de incentivo à cultura brasileira.
O Secretário esteve em Teresina para debates com agente culturais, produtores culturais e gestores para esclarecimentos de pontos importantes da Lei Rouanet e Pronac, e as atualizações da lei de incentivo à cultura que está em tramitação no Congresso Nacional.
Com o desenvolvimento da cultura brasileira a lei não cabe mais dentro da cultura brasileira, ou inverso, a cultura brasileira não está cabendo nessa lei, e por isso se discute no Congresso Nacional uma atualização da lei, por ser necessário a exsitência de um mecanismo mais contemporâneo que enxergue melhor as várias manifestações da cultura brasileira e que seja capaz de enxergar essa tão bela diversidade que é a arte brasileira.
“A nossa recomendação para todos que participam do fazer cultural brasileiro é que se aproprie da informação daquilo que está sendo discutido no Congresso Nacional, discutam com nossos parlamentares, exijam deles um tratamento mais justo para todos os estados brasileiros. Cada um dos estados brasileiros tem o seu movimento cultural de forma distinta e a lei precisa enxergar isso. Não há vida inteligente só nos grandes centro brasleiros, há vida inteligente em cada lugar remoto desse país tão imenso e continental” pontuo o secretário.
Henilton Menezes afirmou ainda que mesmo com todas as falhas da lei em vigência que completou 20 anos de existência, ela teve um papel muito importante para alavancar a produção cultural. “A lei de incentivo à cultura apesar de vários problemas e falhas foi reponsável pelo impuso em grandes setores da cultura em todo o país, e em especial o teatro e a música brasileira, e devemos a essa lei uma grande quantidade de ações, são patrocinadas por essa lei cerca 3.500 ações em todo o país” declarou o secretário.
Durante a visita ao Projeto Música Para Todos que é financiado pelas leis de incentivo do Minstério da Cultura o Secretário conheceu as instalações e prestigiou a apresentação de alunos de flauta da Professora Cintia Suedy, que expuseram um pouco do aprendizado que eles têm adquirido nas aulas de inicação musical.