• Avenida Pedro Almeida, 145 - Teresina - PI, 64052-280
  • (86) 3233-9506 | 3232-3534 | 3133-6060 | 8858-3872
  • comjornalismo@icsrita.org.br
Em Destaque,Notícias

Projeto promove II Festival de Música Erudita entre 26 e 29 de abril

Em 2015, o Projeto Música Para Todos promoveu o I Festival de Música Erudita. Neste ano, o evento chega a sua segunda edição e promete ser bastante enriquecedor para os alunos de cordas friccionadas, da prática em Orquestra, violão erudito e canto. A programação tem início no dia 26 e segue até o dia 29 de abril de 2016. Matues Araujo, arranjador e maestro no projeto Ação Social pela Música no Brasil, no Rio de Janeiro, é o ministrante do evento.

“É grande oportunidade para todos os nossos alunos. Vamos também abrir inscrições para a comunidade. Festivais como este, que possuem uma programação focada, faz com que consigamos elevar o nível dos nossos alunos e oferecer uma formação complementar de muita qualidade”, frisa o professor e regente da Orquestra Jovem do Música Para Todos, David Emerson.

A programação do II Festival de Música Erudita inclui maestreclass, workshops, ensaios, recitais e um concerto final, onde será mostrado ao público tudo o que foi estudado durante a semana.

As vagas são destinadas para quem estuda os instrumentos de cordas friccionadas (violino, viola, violoncelo e contrabaixo acústico), violão erudito e canto. Os participantes receberão certificado de participação.

Sobre o ministrante

Mateus Araujo é arranjador e maestro no projeto Ação Social pela Música no Brasil, no Rio de Janeiro. Ele vem ao Música Para Todos para contribuir com o crescimento da prática em Orquestra dos nossos alunos.

Ele já foi regente da Orquestra Sinfônica Brasileira Jovem, entre 2011 e 2012; da Orquestra Sinfônica do Theatro da Paz, em Belém (PA), de 2005 a 2009; da Sinfônica de Ribeirão Preto (SP) em 2003 e 2004. Atualmente, Mateus vive no Rio de Janeiro, onde se diplomou em Composição no Conservatório Brasileiro de Música.

Iniciou seus estudos de música aos 8 anos, e aos 13 anos já se apresentou como solista de piano da Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo (Osesp) como vencedor do concurso Jovens Solistas.

Foi violinista por 12 anos da Orquestra Sinfônica do Theatro Municipal de São Paulo e da Orquestra Jazz Sinfônica de São Paulo, da qual foi o regente eleito pela própria orquestra em 1999 e 2000, realizando apresentações nas salas mais importantes do país, incluindo no Festival de Campos do Jordão (SP).

Em 2002, foi selecionado para o concurso mundial de regência de Lorin Maazel, e passou a apresentar-se como regente convidado das orquestras sinfônicas do Theatro Municipal de São Paulo, do Theatro Municipal do Rio de Janeiro, de Minas Gerais, do Paraná e do Teatro Nacional Claudio Santoro de Brasília, de Campinas entre outras, além de orquestras no Chile, na Espanha e na Inglaterra.

Como compositor, desde 1994 tem apresentado suas obras orquestrais e arranjos para diversas formações. Destacam-se a Suíte Brasileira, estreada no Carnegie Hall de Nova Iorque em 2008, sua obra orquestral Prelúdio, Fuga e Samba, apresentada no Lincoln Center de Nova Iorque em 2011, e Bachmazonia, estreada pela OSB em 2012 no Theatro Municipal do Rio de Janeiro.

Sobre o Projeto Música Para Todos – Realizado pelo Instituto Cultural Santa Rita, o Projeto Música Para Todos foi criado em Teresina (PI), em 1999, e oferece atualmente Cursos Livres, Iniciação Musical e Prática em Orquestra, para milhares de crianças, jovens, adultos e idosos. A Instituição tem por objetivo transformar vidas através da música e da arte. Já foram beneficiados com a iniciativa mais de 36 mil em dezenas de municípios piauienses.

Apoio Cultural – No ano de 2016, o Projeto Música Para Todos orgulha-se em receber o patrocínio cultural do Banco Votorantim e do Armazém Paraíba.