• Avenida Pedro Almeida, 145 - Teresina - PI, 64052-280
  • (86) 3233-9506 | 3232-3534 | 3133-6060 | 8858-3872
  • comjornalismo@icsrita.org.br
Em Notícias

Coral Nova Visão mostra superação em Recital no Música Para Todos

Na noite de ontem, 10, os integrantes do “Coral Nova Visão” apresentaram ao público do Música Para Todos que é possível superar os limites e desafios através da música e da dança. Os integrantes do Grupo fazem parte do Projeto Nova Visão, desenvolvido na Associação dos Cegos do Piauí – ACEP.

O Coral apresentou de maneira brilhante canções que enaltecem a manifestação cultural do estado e aliaram a música e a dança para mostrarem o quanto são capazes de mudar a sua realidade. Noronha Filho, médico psiquiatra e coordenador do Projeto esclareceu a importância do trabalho desenvolvido desde 2011 apontando a importância do projeto para a sociedade e para os participantes. “Este coral é composto de pessoas que procuram e mostrar sua capacidade de superação, pois mesmo elas sendo deficientes em alguns aspectos, são muito eficientes em outros”, disse ele.

 

Formando por membros da Associação dos Cegos do Piauí – ACEP, o grupo trabalha como forma de oportunizar a inclusão social e inserção da cultura por meio da música e da dança. “Em nosso Projeto temos além da música e dança, possibilitamos ainda a produção de artesanato, o levantamento biográfico dos membros, dentre outras atividades. Tudo isto visando à melhoria na qualidade de vida deles no sentido de levantar a auto-estima e a inserção dos mesmos na cultura”, pontuo Noronha.

O Coral é regido pelo maestro e professor Emanuel Coelho Maciel que já tem uma grande experiência em corais na cidade, coreografado pelo professor Márcio Gomes e como grandes incentivadores o Grupo Unimed Teresina e a Fundação Sesc Teresina. Para o Maestro, o convite feito por Noronha Filho foi importantíssimo, pois daria ao maestro uma oportunidade de trabalho social engrandecedor para o estado. “O Coral tem sido magnífico para mim, pois o trabalho desenvolvido muito importante para o estado, principalmente o aspecto social e terapêutico, pois a música é uma terapia indispensável que os ajuda bastante”, declarou o maestro.